Por um novo pacto social

  • 05/09/2020


Capitão da PM faz passinho de dança em live solidária no interior de SP e viraliza Reprodução Temos algo perto de um James Brown brasileiro até então anônimo, que veste farda de policial militar e se chama Vander Duarte. Cresceu dançando nas quebradas do ABC Paulista, ao som de Thaíde e DJ Hum. A dança protagonizada durante uma live para arrecadação de cestas básicas em Araçatuba, interior de SP, viralizou e a gente celebrou poder mostrar um PM nas manchetes jornalísticas pelo sorriso que ele nos provocou, embalado pelo espírito comunitário e a espontaneidade cheia de ginga. O vídeo simboliza uma relação possível e desejada entre as forças policiais e a sociedade. O Capitão disse ter feito os passos de coração, sem planejar. E que não esperava toda essa repercussão. Alguém duvida? A Pandemia tem nos tirado muito, mas tem dado tantas oportunidades, para trocas mais genuínas. Mais fragilizados, também parecemos mais disponíveis, com menos cálculo e planejamento. Pra sermos de verdade. Ainda que muitos já estejam vivendo como se estivessem vacinados, o Novo Coronavírus ainda mantém a maioria de nós sob a responsabilidade de ficar o máximo de tempo em casa, e isso tem criado remodelações potentes. Após quase seis meses de confinamento, o mundo digital se consolidou como um novo palco da vida e, curioso, como parecemos estar mais perto do que antes. Estamos criando uma nova arte do viver. “A gente está tendo a oportunidade, também, de resgatar esse efeito, essa paixão que nós temos pela cultura”, me disse o ator Lázaro Ramos numa conversa que tivemos essa semana sobre produção cultural em tempos de Pandemia. O ator Lázaro Ramos e Aline Midlej no Menos30 Fest Reprodução Foi neste mesmo encontro durante o #Menos30Fest, o Festival de Empreendedorismo da Globo que descobri o sucesso das lives brasileiras: em um ranking de dez, estão entre as oito mais assistidas no mundo, segundo um levantamento do YouTube. “O brasileiro gosta da sua música, do que é feito aqui”, sacramentou Paula Lavigne neste mesmo dia, em que ficou evidente a beleza desse momento de reinvenções. Enquanto milhares de profissionais do setor perderam seus empregos e não tiveram a assistência devida, já se elaboram nos bastidores do meio novos negócios que podem levar shows de grandes artistas a públicos inéditos pela web. “Pra além do mainstream, precisamos achar o modelo, de como vender ingressos virtuais que serão mais baratos, e assim nacionalizar. Tem tantas cidades do interior, sem condições de receber um novo espetáculo. Podemos chegar a pessoas nas quais a gente nunca chegaria nas condições anteriores”, completou Paula, que agencia nomes como Caetano Veloso. Além disso, a Pandemia trouxe a oportunidade de dar visibilidade para artistas ainda pouco reconhecidos. Podemos descobrir novos talentos. Cultura é a identidade de um país, uma construção constante. O que estamos criando neste momento sobre nós? “E se o problema do mundo for a gente? E se o nosso modo de existir tiver nos provocado tudo o que estamos enfrentado agora? Existe mundo sem gente? Certamente que sim... E existe gente sem mundo? Quase certo que não. Somos dependentes daquilo que estamos destruindo, o planeta... Será que fomos nós quem paramos a nós mesmos? Estamos esgotados, nós e o planeta. Ou será que foi o planeta que nos parou? Vc acha que voltaremos ao normal? O que é normal a partir de agora?”. Perguntas que o #Menos30fest levantou essa semana e que deve nos acompanhar a partir de agora. O Festival propõe um mutirão por um novo pacto social, para empreendermos mudanças. Vamos? Se em algum momento faltar inspiração, lembra da malemolência do Capitão Vander.

FONTE: https://g1.globo.com/olha-que-legal/blog/pela-lente-da-gente/post/2020/09/05/por-um-novo-pacto-social.ghtml

Aplicativos


Locutor no Ar

Ricardo trovo

As mais tocadas do dia

18:00 - 20:00

Peça Sua Música

Nome:
E-mail:
Seu Pedido:


Top 5

top1
1. Anderson Freire

Raridade

top2
2. Bruna Karla

Advogado Fiel

top3
3. Aline Barros

Casa do pai

top4
4. Anderson Freire

Acalma o meu coração

top5
5. Aline Barros

Ressuscita-me

Anunciantes